Acesso

 

Requisitos de Acesso

Podem candidatar-se ao concurso local para acesso à Licenciatura em Música aqueles que, nos termos da lei, reúnam cumulativamente as seguintes condições:
– Sejam titulares do 12.º ano de escolaridade do ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente;
– Tenham realizado as provas de ingresso exigidas para acesso a esta licenciatura, divulgadas através do Guia de Provas de Ingresso disponibilizado no portal da Direção-Geral do Ensino Superior, e nelas tenham obtido classificação não inferior a 100, na escala 0-200;
– Não sejam titulares de outro curso superior

Vagas: 46

Nota mínima em 2018:  1ª Fase: 147,90;  2ª fase: 140,10.

Avaliação da capacidade para a frequência do ciclo de estudos (2022/2023)

A avaliação da capacidade para a frequência do ciclo de estudos realiza-se através de:
◦ Provas de aptidão vocacional específica que incluem provas adequadas à área de formação em que o candidato se pretende integrar, com peso de 0,8;
◦ Uma entrevista e apreciação do currículo dos candidatos, com peso de 0,2.

Provas de Aptidão Vocacional Específica

◦ No caso dos candidatos à área vocacional de Interpretação/Instrumento inclui uma prova prática específica, com a duração aproximada de 30 minutos, de execução instrumental, em que o candidato deve apresentar um estudo e três obras estilisticamente contrastantes (100 pontos);
◦ No caso dos candidatos à área vocacional de Direção Coral e Formação Musical inclui uma prova prática específica, com a duração aproximada de 30 minutos, de execução instrumental e vocal, que abrange:
1. Uma prova instrumental: interpretação no piano de uma obra à escolha do candidato;
2. Uma prova vocal: interpretação de duas obras estilisticamente contrastantes;
3. Uma prova de direção coral: direção de um trecho dado (com acompanhamento de piano) a ser levantado pelo candidato na Secretaria oito dias antes da prova ou, eventualmente, extraído da página web do Departamento de Música (100 pontos);

◦ No caso dos candidatos à área vocacional de Ciências Musicais, inclui uma prova oral, com a duração máxima de 15 minutos, com apresentação de um tema à escolha no campo das Ciências Musicais (100 pontos).

Entrevista e apreciação do currículo

◦ A entrevista, a classificar de 0 a 100 pontos, incide nos seguintes domínios:
1. Adequação do perfil do aluno ao perfil científico-pedagógico do curso (50 pontos);
2. Competência de exposição oral de conceitos pertinentes ao curso e às artes (25 pontos);
3. Motivação (25 pontos).
◦ O currículo, a classificar de 0 a 100 pontos, é analisado nos seguintes termos:
1. Estudos musicais (40 pontos);
2. Outros estudos (15 pontos);
3. Currículo artístico (40 pontos);
4. Outras atividades relevantes (5 pontos).

Classificação Final

A classificação final da capacidade para a frequência do ciclo de estudos (PA) é calculada com base na prova de aptidão vocacional específica e da entrevista e a apreciação do currículo é a resultante do cálculo da seguinte expressão, arredondada às unidades (considerando -se como unidade a fração não inferior a cinco décimas):
PA = 0,8 × PE + 0,2 × EAC
em que: PE = Classificação global atribuída à prova específica; EAC = Classificação global atribuída à entrevista e apreciação do currículo.

Regulamento Académico da Universidade do Minho (artigos 46º a 49º)
Júri do Concurso 2022/2023
Edital de Abertura 2022/2023